Instalando archlinux 2014.06.01 no HP dm4-2065br via wireless

Olá a todos, como vão?

E mais uma vez aqui estou eu para falar de instalação de arch linux.. sim, novamente 🙂

Se você for montar o pendrive no Windows utilize o programa Win 32 DiskImager, ele é bem tranquilo de se usar. Se estiver no Linux pode usar o comando dd ou o unetbootin.

Lembrando que essa instalação vai ser feita toda via wireless, porque o pessoal tem a boa mania de apenas explicar em ethernet e apenas citar o modo wireless que é MUITO simples de configurar.

Caso você queira fazer a instalação usando o teclado em layout pt_br basta digitar loadkeys br-abnt2

ps: Isso é apenas para a instalação OK?

Deu o boot e está na linda tela preta sem internet não é? Então vamos descobrir o seu dispositivo wireless.

Digite o comando iw dev e irá ser mostrado a interface da sua placa.

Feito isso digite wifi-menu INTERFACE e certamente vai aparecer o nome de sua rede wireless. Basta selecionar, colocar o nome/password e pronto. Sim, apenas isso e você tem wireless para fazer a instalação.

Vamos particionar o HD?

Digite fdisk -l que ele vai te mostrar o seu HD e o seu pendrive que está fazendo a instalação. Preste atenção para não selecionar a parte errada, se o seu HD tiver um outro sistema, para não se cagar todo.

O Básico do básico é você ter uma partição / e uma swap. AH… eu quero uma /home e uma /boot e etc. Cara, isso aqui é para iniciantes então se você souber o que está fazendo e quer um sistema todo organizadinho crie. Se não sabe e quer saber basta ler aqui e aprender.

Pronto, você criou a partição raiz e a swap. Agora temos que formatar a raiz e escolher o seu sistema de arquivos e ativar a swap.

Na raiz você vai digitar, se quiser usar o ext4, o comando mkfs.ext4 /dev/sdX e aguarde que se tiver algum problema de bad block irá ser notificado. No swap você vai digitar 1 comando que vai fazer duas coisas, porém pode digitar um de cada vez se quiser.

Digite mkswap /dev/sdX && swapon /dev/sdX . O primeiro comando vai configurar uma área de swap e o segundo vai ativar os arquivos de paginação para swap.

Agora você vai montar a partição criada para instalar as coisas. Digite mount /dev/sdX /mnt

Agora é digitar o comando para fazer a instalação do sistema base, base-devel e o grub-bios. Com um comando você resolve isso, basta digitar pacstrap /mnt base base-devel grub-bios e ao terminar você digita genfstab -p /mnt >> /mnt/etc/fstab que ele vai configurar seu /etc/fstab para montar sua partição.

Agora, para fazermos alterações no sistema que acabamos de instalar vamos utilizar o arch-chroot para isto. Digite arch-chroot /mnt para fazer alterações diretamente na partição que estamos instalando.

Para nomear a sua máquina basta digitar echo NOMELEGAL > /etc/hostname e sua máquina terá um nome, depois se quiser pode modificar fique tranquilo.

Agora vamos editar o hosts que é o local que transforma IP em nome. Caso você queira acessar sua máquina para configurar um web server local por exemplo você pode digitar o nome de sua máquina. Acesse o arquivo /etc/hosts com seu editor preferido e acrescente a direita do nome localhost o nome de sua máquina.

Exemplo simplificado:

Original localhost / Modificado localhost NOMELEGAL

Salve e pronto.

Caso queira deixar seu sistema em pt_br basta você entrar no arquivo /etc/locale.gen e remover o # das seguintes linhas:

#pt_BR.UTF-8 UTF-8
#pt_BR ISO-8859-2

Em seguida você digita locale-gen que a modificação será feita. Agora crie o arquivo /etc/locale.conf e insira o seguinte conteúdo:

LANG=pt_BR.utf-8
LC_COLLATE=C
LC_TIME=pt_BR.utf-8

Digite o comando export LANG=pt_BR.utf-8, pois como o arquivo não existia não surtirá efeito a sua criação sem digitar este comando.

Para preparar o ramdisk inicial digite: mkinitcpio -p linux .

Para instalar o grub 2 basta digitar o seguintes comandos:


grub-install /dev/sda
grub-mkconfig -o /boot/grub/grub.cfg

Antes de terminar instale os pacotes dialog e wpa_supplicant, eles são importantes para configurar sua rede wireless usando o wifi-menu e/ou netctl, pois quando der boot vai voltar a ficar sem internet.

Insira uma senha no seu login root com o comando passwd e digite exit para finalizar o arch-chroot. Depois é desmontar o /mnt com o comando umount /mnt e reniciar.

Pronto, agora tem um archlinux. Só instalar os programas que necessita, você que escolhe e nada além do que deseja é instalado como em outras distribuições.

Até a próxima ;*

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s